Somos alunos da escola Cidade de Castelo Branco, do 9.º ano da turma A. Construímos este Blog com a finalidade de mostrar a nossa sabedoria sobre a História.

18
Fev 09

O Estado Novo criou uma polícia política, em 1933, com o nome de Polícia de Vigilância e Defesa do Estado (PVDE). Em 1945, foi substituída pela Polícia Internacional e de Defesa do Estado (PIDE), que durou até 1969, quando passou a chamar-se Direcção Geral de Segurança (DGS).

As suas funções políticas consistiam em castigar pessoas que estivessem contra ao Estado Novo de António de Oliveira Salazar, pelo controlo de estrangeiros e fronteiras, pelo combate ao terrorismo, e pela investigação de crimes contra a segurança do Estado.

A PIDE exercia actividade em todo o território português, para evitar dissidências nas organizações civis e militares, usando meios e métodos baseados nas técnicas alemãs aplicadas na Gestapo.

A PIDE utilizou a tortura e foi responsável por alguns crimes sangrentos, como por exemplo, o assassinato de José Dias Coelho, um militante do Partido Comunista Português (PCP), e do General Humberto Delgado.

 

 

25 de Abril de 1974: 

Os militares prendem um agente da PIDE/DGS.   

 

 

Mariana Gonçalves

publicado por turma9a-ap às 21:40

arquivos
pesquisar
 
blogs SAPO